quarta-feira, 11 de outubro de 2017

TRF revoga prisão de Othon Luiz ex-presidente da Eletronuclear

O Tribunal Regional Federal da 2º região revogou a prisão do cientista brasileiro Othon Luiz  Pinheiro da  Silva. Ele tinha sido condenado pela Lava Jato a 40 anos de prisão.  Considerado  um dos  maiores cientistas brasileiros, o físico nuclear, deixou o Brasil respeitado neste  campo.


Um cientista brilhante, é o que consta em sua biografia. Pouca gente leu, mas Othon deixou um enorme legado cientifico para o país. Sobre a decisão o seu advogado Fernando Fernandes disse:" A soltura é um ato de justiça e humanidade".

Othon  foi acusado pela Lava Jato  de corrupção, obstrução e lavagem de dinheiro e estava preso numa estalação da Marinha no Rio de Janeiro.

Nenhum comentário: