domingo, 2 de julho de 2017

Rodrigo Janot: "Para morrer basta estar vivo"

O procurador da Republica,Rodrigo Janot foi entrevistado pela jornalista Renata La Prete, no painel do Congresso  da Associação Brasileira de Jornalismo Investigativo. Na pauta:
  • Últimas decisões do Supremo Tribunal Federal
  • Libertação do deputado Rocha Loures
  • Devolução do cargo ao senador Aécio Neves
  • Segurança pessoal

Sobre segurança pessoal o ministro  Rodrigo Janot falou: "Na minha terra diz assim: 'Para morrer, basta estar vivo'. Eu ando com segurança.óbvio. ,não vamos ser ingênuos. Já recebi ameaças. Claro não vamos sr ingênuos também. Trato com profissionalismo esta questão. Na minha cabeça e dos meus colegas, é o seguinte: se acontecer alguma coisa comigo, a confusão é muito maior do que me deixar vivo e atuando. É óbvio. Então, a gente brinca, eles tem que estar rezando para eu não escorregar no sabão do banheiro e bater a cabeça noa banheira. Eles têm que estar rezando para isso. Então, todo dia de manhã, olha, aqui,ele incólume. Temer eu não temo, mas trato profissionalmente a questão"

Nenhum comentário: