domingo, 6 de maio de 2018

Flores & Poesia com Sirlei Lima


E até onde eu posso...Eu luto. Se é necessário clamar, eu clamo. 
Se é necessário silenciar, emudeço. 
E até onde eu posso... Eu luto. 
E assim aprendi, Deus não faz o que eu devo fazer.
O que não posso é esmorecer.
Prossigo, até que do céu o Senhor decrete... 
Chegou o tempo... 
O tempo da minha filha... vencer.
 Sirlei Lima

Nenhum comentário: